Facebook-icon  Twitter-icon

 

O Observatório da Política Nacional de Saúde Integral da População em Situação de Rua do Núcleo de Estudos em Saúde Pública (Pop Rua/NESP) lança a 1ª Mostra de Filmes Brutos do Pop Rua. São mais de 50 horas de material bruto de filmagens com a população em situação de rua, profissionais dos Consultórios na Rua e centros pop de vários estados do Brasil, além de técnicos do Ministério da Saúde ligados direta e indiretamente a questões das várias situações de rua.

Por Waléria Fortes

O Observatório da Política Nacional de Saúde Integral da População em Situação de Rua do Núcleo de Estudos em Saúde Pública (Pop Rua/NESP) lança a 1ª Mostra de Filmes Brutos do Pop Rua. São mais de 50 horas de material bruto de filmagens com a população em situação de rua, profissionais dos Consultórios na Rua e centros pop de vários estados do Brasil, além de técnicos do Ministério da Saúde ligados direta e indiretamente a questões das várias situações de rua.

O intuito da mostra é transmitir filmes que ainda não foram editados, estimulando o debate entre os convidados sobre os vários aspectos do trabalho realizado pelo Pop Rua. A exibição cinematográfica, nomeada Cortes Brutos, é a amostra do trabalho alcançado em 2017, uma devolutiva dos serviços realizados por este observatório, e será realizada no NESP, às 15h, no dia 19 de dezembro. De acordo com o profº Pedro de Andrade Calil Jabur, coordenador do Pop Rua, a intenção é replicar a dinâmica de debates da mostra em outras datas para diferentes platéias.

Educação, Equidade e Saúde
 
Estudos Comparados
 
 
observarh2
 
obteia
 
 
 
 
saudelgbt2
  
oiapss2

Notícias