I Oficina Formação dos Professores em Políticas Públicas de Equidade na Educação: o encontro entre o serviço saúde e escola.

previous arrow
next arrow
ArrowArrow
Slider

 

No dia 20 de agosto de 2018, ocorreu a I Oficina de formação sobre políticas de equidade na educação: o encontro entre o serviço saúde e a escola. Onde foram abordadas temáticas que estão inseridas no contexto das vulnerabilidades sociais que se expressam dentro do ambiente escolar. Os docentes, como grupo multiplicador num primeiro momento, manifestaram narrativas de impotência e sobrecarga frente a complexidade das demandas trazidas pelos estudantes, oriundas do contexto social, econômico e familiar vivenciados.

Relataram que muitas vezes não souberam "lidar", isto é, a qual rede de serviços ofertados acionar e afirmaram que essa interlocução entre o campo da saúde e a escola se faz necessária, na medida em que necessitam de um suporte, para intervirem de forma mais apropriada nas questões que envolvem conhecimentos já amplamente discutidos pelos profissionais de saúde, mas que na escola ainda se encontra insipiente. Por exemplo, sexualidade, gênero, saúde mental. Diagnosticaram que há uma lacuna de políticas públicas efetivas na Escola que consigam abordar essas questões de forma a dirimir a complexidade ou pelo menos atenuar a gravidade dos problemas encontrados.

Elaboraram alguns encaminhamentos e questões norteadoras para serem levadas ao I Seminário Internacional sobre Políticas Públicas na Educação: professores em ação com o intuito de fomentar a construção desse diálogo e compartilhar suas necessidades para que, em base a isso, seja percorrido o caminho entre a realidade vivida e a discussão, produção acadêmica para a estruturação e composição de políticas públicas com esse foco.


Email